Ciro 2022 – candidato para presidente

Ciro Gomes 2022 – candidato mais forte para presidente do brasil nas eleições do 2022. Conheça Ciro Gomes – seu partido, propostas e por que votar em #Ciro2022 para ser presidente do Brasil.

CIRO 2022

Perfil

  • Nascido em novembro de 1957, completará 65 anos no fim de 2022.
  • Ciro Gomes Número –
  • Ciro Gomes Partido – PDT (Partido Democrático Trabalhista)
  • Ciro Gomes Twitter: https://twitter.com/cirogomes

Ciro – candidato para presidente

As próximas eleições para presidente da república acontecem somente em 2022, no entanto, o cenário político já começa a se desenhar. Entre os possíveis candidatos à presidência da república está o Ciro Gomes (PDT). Nesse post vamos conhecer um pouco mais sobre Ciro Gomes.

O ano de 2022 parece distante, mas é importante analisar o cenário político desde já para ter certeza no melhor candidato para 2020. Dessa forma, a melhor maneira de votar consciente é pesquisando.

Por isso, é fundamental saber quais os projetos do candidato, quais bandeiras ele defende, conhecer o plano de governo. E ainda descobrir o passado de cada um, a carreira política, vida pública. Tudo isso vai fazer a diferença na hora das urnas.

Vivemos na era da informação, não é difícil saber tudo sobre determinado candidato, basta alguns cliques na internet e pronto! Você terá acesso às informações necessárias para votar consciente. Quanto mais cedo o eleitor começar a se preocupar com o seu voto, mais fácil será de acertar na escolha do candidato!

Para as eleições 2022, um dos principais nomes que surgem para a disputa eleitoral é o Candidato Ciro Gomes (PDT). Esse é partido do famoso Brizola, que durante toda a vida lutou pela democracia e em defesa da educação pública de qualidade. E, por isso, caiu nas graças do povo.

No entanto, o Ciro, não é o Brizola, o que será que esse candidato está preparando para as eleições 2022, vamos conhecer um pouquinho mais sobre Ciro Gomes para estarmos bem informados na hora de votar!

Ciro Gomes – Juventude

Ciro Gomes, 61 anos, é político, advogado e professor. Ele já foi eleito deputado Estadual por duas vezes no Ceará. Foi também prefeito de Fortaleza. Além de ser Governador do Ceará. Ciro ainda foi Ministro da Fazendo do governo Itamar Franco e Ministro da Integração Nacional no Governo Lula. Foi ainda Deputado Federal e hoje é vice-presidente do PDT. Ciro disputou as últimas eleições para presidente da república e conquistou 12,47% dos votos, ficando em terceiro lugar.

Durante a juventude, o político militou no grupo Habeas Corpus e também na UNE – União Nacional dos Estudantes. Aos 23 anos, já era professor Universitário e advogado.

Ciro Gomes – o que ele fez quando teve a chance?

Como prefeito de Ceará, em 1989, Ciro recebeu a cidade com muitos problemas, e um ano após ser eleito conseguiu reconstituir a cidade. Colocou em funcionamento os serviços de limpeza e manutenção das vias que não funcionavam e pagou os servidores público em dia. Implantou ainda o IPTU progressivo, pela primeira vez no Brasil! Em 1990 Ciro teve 77% de aprovação em seu governo, esse foi o melhor índice de aprovação entre todas as capitais.

Já como governador ele incentivou o micro e pequeno empresário, e ao mesmo tempo combateu a sonegação de impostos e conseguiu aumentar a arrecadação. Porém os campos que mais receberam investimento foi a saúde e a educação. Com isso, Ciro teve 74% de aprovação em seu governo.

No entanto, a atenção aos presídios não foi tão grande, em seu governo aconteceu a rebelião no Instituto Penal Sarasate. Às péssimas condições do presídio levou uma comissão de bispos a comparecer à instituição para denunciar as péssimas condições em que os presos estavam sendo submetidos. No entanto, a visita acabou mal, pois dez detentos sequestraram que sequestraram o bispo Dom Aluísio. Ciro, conduziu as negociações e ninguém saiu ferido.

Ainda como Governador Ciro, deu prioridade a colocar técnicos especialistas liderando às secretarias ao invés de políticos. E concluiu o Canal do Trabalhador, obra que ajudou a reduzir os impactos nos períodos de Seca no Ceará.

Escândalos

Apesar das conquistas na vida pública, Ciro Gomes também é conhecido pelo seu temperamento forte. O político responde a 77 processos no Tribunal de Justiça do Ceará. Destes 70 são ações civis que pedem indenização por dano moral. Outros processos são queixas criminais contra ele por calúnia, injúria e difamação.

Entre as frases impactantes que renderam um processo à Ciro está, por exemplo, a frase dita em 2012 à policiais que estavam realizando uma greve. “Marginais fardados aliados a traficantes e covardes”.

Já em 2013, Ciro Gomes classificou o procurador da República Oscar Costa Filho de “exibicionista, politiqueiro, irresponsável, mentiroso e tresloucado”

Em 2016, o alvo da vez foi o ex-presidente da República Michel Temer que foi apelidado por Ciro de ‘capitão do golpe’, o que também lhe rendeu um processo.

Em março de 2018, o então pré-candidato Jair Bolsonaro (PSC-RJ), hoje presidente, processou criminalmente Ciro Gomes por uma entrevista que ele concedeu no programa “Pânico na Rádio”, na Jovem Pan FM. Na entrevista, Ciro acusou Bolsonaro de ter cometido o crime de lavagem de dinheiro ao repassar para seu partido o valor de R$ 200 mil recebidos da JBS.

Contudo, Ciro Gomes não é um dos acusados na Operação Lava-Janto, ele não responde por crimes de corrupção. Inclusive enquanto prefeito e governador, abriu mão da pensão vitalícia há que tinha direito legal, por acreditar que aquele dinheiro, na verdade, cabia ao povo.

Leia também:

Cenário Segundo Turno – Bolsonaro x Ciro

Ciro Gomes Propostas

Saiba os projetos para a Presidência da República? Como presidente da República, Ciro Gomes defende a manutenção do programa Bolsa Família, porém com aprimoramento para que seja uma porta de saída para às famílias.

Sobre a previdência social, a proposta de Ciro é que seja adotado um novo sistema baseado em capitalizações, através de contas individuais, em que o mesmo valor pago na ativa, somado aos rendimentos financeiros, é o que sustentaria a aposentadoria.

Sobre a Reforma Trabalhista já aprovada pelo então presidente Temer, Ciro pretende fazer um plebiscito para que a Reforma seja revogada, ou seja, para que passe a não valer mais. Devido aos danos que está trazendo aos trabalhadores.

Sobre a segurança pública, Ciro pretende fazer um sistema de integração de comunicação entre as policiais e combater o narcotráfico e as facções criminosas severamente.

Ciro pretende ainda eleger um teto de gastos públicos que não poderá ser ultrapassado durante o governo, para equilibrar as finanças.

Já sobre a economia, Ciro acredita que seja preciso cobrar mais impostos daqueles que possuem mais recursos. Por isso, a sua proposta é fazer a tributação sobre dividendos e lucros dos acionistas. Pretende ainda aumentar o valor do imposto sobre heranças de 8 para 24% e fazer o corte de 15% nas isenções tributárias, com exceção da Zona Franca de Manaus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *